Terça, 22 Maio 2018

Raul Cabral de Sá

Ex-presidente da Portobrás 1718

Filho do Deputado Federal Walter Bezerra de Sá e de D. Laís Cabral de Sá, irmã do Senador, também pelo Estado do Ceará, Fausto Cabral. Esposo de Maria Laís Moura de Sá, filha de Joaquim de Moura Filho e Carmen Vieira de Moura, , com quem tem seis filhos:

Walter Bezerra de Sá Neto, administrador de empresas, servidor do Ministério das Minas e Energia, pai de Priscilla Nunes Cardoso de Sá,

Maria Beatriz Moura de Sá, advogada, servidora do Supremo Tribunal Federal, casada com o engenheiro Marcus Vinícius Souza Viana, mãe de Maria Carolina de Sá França

Raul Moura de Sá, administrador de empresas, servidor do Ministério dos Transportes, casado com Paula da Rin Souza, pais de Pedro Souza de Sá

Gustavo Augusto Moura de Sá, empresário, casado com Vanessa Eid, empresária, pai de Gabriel Sgreccia Archer de Sá e Victor Eid de Sá

Paulo Fernando Moura de Sá, economista.

Luiz Eduardo Moura de Sá, músico, casado com Thiessa Monteiro Nunes

Engenheiro Civil, formado pela Escola Politécnica da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-RJ), Raul Cabral de Sá começou sua vida profissional como diretor técnico de uma empresa de construção civil. Foi engenheiro do Departamento Nacional de Portos e Vias Navegáveis-DNPVN, no Rio de Janeiro.

Primeiro Presidente da Companhia Docas do Ceará, exerceu o cargo por 10 anos (1965-1975), período em que foram inaugurados o armazém A3 e a Estação de Passageiros, no Porto do Mucuripe.

Em 1973, diplomou-se pela ESG-Escola Superior de Guerra.

Exerceu o cargo de Secretário de Estado da Casa Civil do Governo do Ceará, na gestão do Governador Adauto Bezerra.

Mudou-se com toda a família para Brasília em 1977, onde exerceu por onze anos o cargo de diretor da PORTOBRÁS-Empresa de Portos do Brasil S.A.

Fez parte de vários órgãos internacionais do setor portuário, como o Internacional Association of Ports and Harbours, de Tóquio, no Japão.

Recebeu diversas homenagens, entre elas a Medalha do Mérito Mauá no Grau Cruz de Mauá, conferida pelo Ministério dos Transportes, onde também trabalhou como engenheiro.

Em 2009, foi agraciado com a Medalha Mérito Portuário Virgílio Távora, criada pela Companhia Docas do Ceará para homenagear aqueles que tiveram papel fundamental no desenvolvimento do Porto do Mucuripe, no ano em que completa 70 anos de construção.(MBMS)

Atividades

Visitantes

Total: 15018